BRINCAR É … UMA DAS MANEIRAS DE SOCIALIZAR E APRENDER A DIVIDIR

Compartilhe Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someonePrint this page

Entender que não se está sozinho no mundo é um processo complicado para as crianças.  Por esse motivo expressões como “é meu” ou “sou eu” e “eu que vou” são tão comuns na boca dos pequenos.  E, apesar das crianças mostrarem uma melhora nesse tipo de comportamento a partir de seis anos de idade, os pais e responsáveis podem incentivar a mudança desde cedo por meio de brincadeiras e atitudes que contribuem para que o senso de companheirismo e amizade se estabeleça muito mais rápido.

Naturalmente, quando a criança chega a uma idade próxima dos cinco anos essa tarefa de socializar bem o pequeno e ensiná-lo até a dividir fica mais fácil, principalmente porque a necessidade de companheiros para brincar ou jogar fica maior.  Assim, a convivência vai ficando mais frequente e a criança começa a entender o prazer que existe naquilo, passando a sentir falta dos amiguinhos quando eles não estão.

Antes dessa fase, no entanto, o mais comum é que as crianças ainda não façam questão da presença de outras ou até mesmo as ignore ou se irrite.  Na maior parte dos casos isso ocorre porque o pequeno ainda não está pronto para dividir, nem a atenção, nem os brinquedos.

” Canso de dizer para ele dividir e ele não aprende”

É muito comum que pais, mães ou outros responsáveis insistam para que a criança divida um brinquedo ou espaço em situações em que ela se recusa a aceitar ao menos a presença de outra criança.  Essa atitude, no entanto, não ajuda.  O ideal é que os filhos possam observar os maiores pelo exemplo.  Mostrar à criança quando se divide um doce com o parceiro, um espaço no sofá e reforçar em uma brincadeira, por exemplo, com um boneco que divide algo com outro e está mais feliz porque o outro está ali costuma ser mais eficiente e deve ser praticado como rotina para que a criança entenda aquilo como natural.  Outra ideia é colocar alimento a mais na lancheira da criança e incentivá-la a dividir com outras na escola.

Dica |Ensinar a dividir na prática

Não é incomum que as escolas de ensino infantil estimulem as crianças a levarem um brinquedo em um dia da semana.  Dessa maneira, elas acabarão trocando com os amiguinhos e aprenderão, sem perceber, como dividir pode ser divertido.  Do mesmo modo, os pais podem incentivar os filhos a levarem um brinquedo quando forem à casa de amiguinhos ou de familiares em que haja outras crianças.  Para os pais mais motivados, vale organizar pequenas reuniões em casa com parentes e amigos que também tenham crianças e trocar livros e brinquedos trabalhando para que as crianças participem desse momento.

Gostou do nosso artigo?  Compartilhe com seus amigos e deixe seu comentário!!  Até breve!

Compartilhe Share on Facebook0Tweet about this on TwitterShare on Google+0Email this to someonePrint this page

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *